sábado, 29 de dezembro de 2012

Carta do FDGA ao prefeito João Alves.


Carta prefeito de Aracaju, João Alves Filho.
Aracaju, 1º. de janeiro de 2013.
Senhor prefeito,
O Fórum em Defesa da Grande Aracaju parabeniza pela eleição e pela posse e vem tratar de um dos temas mais importantes para qualquer município: o Plano Diretor.
A legislatura que se encerrou no dia de ontem na Câmara Municipal deixa uma marca negativa quando o assunto é Plano Diretor. Votaram de forma equivocada por diversas vezes. A Sociedade, a Justiça e quatro dos vereadores do período que se encerrou vêm dizendo e comprovando que não é assim que se vota um Plano Diretor verdadeiramente sustentável. Vossa Senhoria por diversas vezes declarou publicamente que este não é o Plano Diretor ideal para a capital sergipana e que revogaria, caso chegasse em suas mãos para sanção.
As emendas populares foram quase todas rejeitadas e as propostas de determinadas construtoras absorvidas e aprovadas. O Plano Diretor para os próximos dez anos ficaria muito pior do que este que atualmente vigora.
Por sorte a Justiça já analisou o assunto por três vezes e sempre a população vem obtendo vitórias contra o comportamento estranho da maioria dos vereadores.
Nós do Fórum em Defesa da Grande Aracaju não vamos descansar enquanto não vermos um Plano Diretor, assim os códigos complementares, aprovado de forma séria, responsável e com um olhar sobre toda a cidade, sobre todos os segmentos.
Antes das eleições do dia 07 de outubro denunciamos nos terminais de integração a forma descompromissada como alguns vereadores estavam votando o Plano Diretor. Resultado: muitos deles não conseguiram a reeleição.
Vamos continuar usando todos os meios amigáveis ou não para cobrar decência, seriedade, compromisso e responsabilidade no exercício do mandato popular.
Vamos exaltar e destacar aqueles que, mesmo votando contra propostas populares, sejam sinceros e demonstrem tecnicamente porque estará votando daquela forma. E vamos denunciar veementemente aqueles que desrespeitarem a população votando em um Plano Diretor para beneficiar apenas às construtoras, como fizeram alguns vereadores da legislatura que acabou no dia de ontem.
Nesse sentido o Fórum em Defesa da Grande Aracaju se dirige a V.Sa. para reafirmar a nossa luta incansável para que o Plano Diretor seja justo e seja o resultado da média das audiências públicas e não uma lei capenga e com o objetivo de beneficiar à maioria da população.
FÓRUM EM DEFESA DA GRANDE ARACAJU

Carta do FDGA aos vereadores.


Carta às(aos) vereadoras(es) da 42ª Legislatura de Aracaju.
Aracaju, 1º. de janeiro de 2013.
Senhores vereadores e senhoras vereadoras,
O Fórum em Defesa da Grande Aracaju parabeniza pela eleição e pela posse e vem tratar de um dos temas mais importantes que cada vereador(a) de Aracaju deverá tratar: o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Sustentável (PDDUS).
A legislatura que se encerrou no dia de ontem deixa uma marca negativa quando o assunto é Plano Diretor. Votaram de forma equivocada por diversas vezes. A Sociedade, a Justiça e quatro dos vereadores do período que se encerrou vêm dizendo e comprovando que não é assim que se vota um Plano Diretor verdadeiramente sustentável.
As emendas populares foram quase todas rejeitadas e as propostas das construtoras absorvidas e aprovadas. O Plano Diretor para os próximos dez anos ficaria muito pior do que este que atualmente vigora.
Por sorte a Justiça já analisou o assunto por três vezes e sempre a população vem obtendo vitórias contra o comportamento estranho da maioria dos vereadores.
Nós do Fórum em Defesa da Grande Aracaju não vamos descansar enquanto não vermos um Plano Diretor, assim os códigos complementares, aprovado de forma séria, responsável e com um olhar sobre toda a cidade, sobre todos os segmentos.
Antes das eleições do dia 07 de outubro denunciamos nos terminais de integração a forma descompromissada como alguns vereadores estavam votando o Plano Diretor. Resultado: muitos deles não conseguiram a reeleição.
Vamos continuar usando todos os meios amigáveis ou não para cobrar decência, seriedade, compromisso e responsabilidade no exercício do mandato popular.
Vamos exaltar e destacar aqueles que, mesmo votando contra propostas populares, sejam sinceros e demonstrem tecnicamente porque estará votando daquela forma. E vamos denunciar veementemente aqueles que desrespeitarem a população votando em um Plano Diretor para beneficiar apenas às construtoras, como fizeram alguns vereadores da legislatura que acabou no dia de ontem.
O Fórum em Defesa da Grande Aracaju se coloca ao inteiro dispor de todos os vereadores para dialogar sobre o Plano Diretor e sobre os códigos complementares na expectativa de que a Câmara Municipal de Aracaju cumpra com a sua obrigação de votar um Plano Diretor de fato participativo.   
FÓRUM EM DEFESA DA GRANDE ARACAJU.

Entidades vão entregar carta aos novos vereadores



Ato será no dia 1º, a partir das 14h, em frente ao TJSE

Entidades que integram o Fórum em Defesa da Grande Aracaju realizarão na próxima terça-feira, 1º, ato em frente ao Tribunal de Justiça de Sergipe para entregar carta aos vereadores e ao prefeito eleito João Alves Filho.

O ato terá início às 14h e pretende abordar os vereadores e o prefeito eleito na entrada do Tribunal de Justiça, onde acontecerá a sessão de posse dos vereadores e do prefeito.

Na carta dirigida ao prefeito eleito João Alves Filho o Fórum em Defesa da Grande Aracaju faz críticas à forma como o Plano Diretor vem sendo votado na Câmara Municipal e cobra do prefeito eleito a manutenção da posição por várias vezes repetidas de que o Plano Diretor que está sendo revisado na Câmara não é o que ele defende e que vetaria, caso chegue às suas mãos do jeito que está sendo votado.
Militantes vão continuar denunciando vereadores.


As cartas dirigidas aos vinte e quatro vereadores têm o mesmo teor e chama os parlamentares municipais à responsabilidade com um Plano Diretor verdadeiramente sustentável.

O fórum relata ainda na carta que a sociedade organizada vem alertando para os equívocos cometidos pelos vereadores da legislatura que se encerra na votação do Plano Diretor e que a Justiça foi acionada por três vezes para apreciar as ilegalidades nas votações ocorridas na Câmara Municipal, sendo que em duas delas decidiu que houve irregularidades e mandou suspender a votação.

Além da Justiça, o fórum alerta que a própria sociedade aracajuana vem demonstrando para a Câmara Municipal que a forma como a revisão do plano está sendo feita é prejudicial para a maioria da população e só beneficia a pequenos grupos empresariais.

Os manifestantes vão instalar uma tenda em frente ao prédio do tribunal de Justiça com faixas contendo palavras de ordem sobre a votação do Plano diretor.

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

ADCAR distribui presentes de Natal.



Na tarde do dia de Natal a Direção da Associação Desportiva, Cultural e Ambiental do Robalo (ADCAR) distribuiu cerca de 270 presentes para as crianças do povoado Robalo, na Zona Sul de Aracaju.
Como acontece tradicionalmente a distribuição foi realizada entre crianças pobres da comunidade e contou com a participação de voluntários e membros da direção da entidade.
Presentes doados pelo Cine Cult.

Aos poucos mães foram surgindo de várias direções, trazendo seus filhos ansiosos pelos brinquedos. Num instante o local estava tomado por crianças, que só saíram ao final da entrega de todos os presentes, balas e pirulitos.
Além dos presentes três cestas básicas foram sorteadas entre os responsáveis presentes.
Centenas de crianças esperam pelo presente.
O presidente da ADCAR, José Firmo, avaliou que, embora a quantidade de presentes e cestas tenha sido menor do que em 2011, foi muito importante para as crianças do local que aguardam com expectativa a distribuição dos presentes.
“Seja qual for a quantidade nós vamos sempre distribuir com a mesma alegria pois é muito importante para essas crianças. Fico muito feliz em poder dar alegria para essas crianças.” Disse Firmo.
O presidente aproveitou para agradecer a todos quanto colaboraram com as doações: a Secretaria de Estado da Inclusão Social (SEIDES), ao Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Federal de Sergipe (SINTUFS), ao Cine Cult, na pessoa do senhor Roberto, ao vereador Dr. Emerson (PT) e à Deputada Estadual Ana Lúcia (PT). Segundo Firmo sem eles, que colaboraram, não seria possível a realização da festa para as crianças. 
Famílias formam a fila do presente. 

domingo, 23 de dezembro de 2012

Futebol: Veteranos realizam confraternização.



O time de futebol Veteranos Afonso Neves (VAN), organizado pela Associação Desportiva, Cultural e Ambiental do Robalo – ADCAR e que tem como principal objetivo congregar os amantes do futebol em idade avançada e com poucas condições físicas, realizou no dia 16 de dezembro a sua última partida de futebol do ano de 2012 e em seguida foi feita a confraternização.

Embora os resultados da maioria dos jogos em 2012 não tenham sido positivos, a avaliação que se faz é que o principal objetivo vem sendo alcançado, que é a prática de esporte e o lazer para um grupo de moradores do Robalo e adjacências.
O FUTURO – Antes da confraternização os associados elaboraram o Plano de Atividades para o ano de 2013 e uma série de ações foram programadas, entre elas a organização do time do VAN; a proposta de realizar jogos fora do Robalo; a luta pelo Centro Esportivo prometido pelo Governo do  Estado e as atividades voltadas para a cultura, o meio ambiente e a cidadania.

Natal do Robalo.



Na próxima terça-feira, 25, às 16h, na Travessa Três Porquinhos II, no Povoado Robalo, Zona de Expansão de Aracaju, acontece o Natal das Crianças do Robalo.
Voluntários e membros da direção da ADCAR vêm arrecadado doações há mais de um mês e agora chaga o momento tão esperado por crianças e também por adultos.

São quase trezentos brinquedos e quase dez quilos de balas, além de três cestas básicas.
A Direção da ADCAR divulga e convida as famílias com suas crianças de acordo com quantidade de presentes arrecadados, a fim de não decepcionar crianças que possam comparecer e não receber presentes. Por outro lado nada pode sobrar, por isso um cadastro prévio é feito e a divulgação é feita na medida da quantidade de presentes.

Para a festa que se realizará na próxima terça-feira, a ADCAR recebeu doações da Secretaria Estadual de Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social (SEIDES), cem presentes; CINE CULT, com 61 presentes; Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Federal de Sergipe (SINTUFS), 45 presentes; Deputada Ana Lúcia (PT), 47 presentes e Vereador Emerson (PT), três cestas básicas e dez quilos de balas e pirulitos.
José Firmo, presidente da ADCAR diz que está bastante emocionado por poder participar da organização. “O nosso papel é de intermediar essa realização. Várias pessoas se envolvem na arrecadação e na organização. Ainda têm os doadores que são os que realmente tornam possível este momento tão especial para essas crianças. É muito gratificante! É muito emocionante!”

  

Plano Diretor: fórum faz avaliação e planejamento.



O Fórum em Defesa da Grande Aracaju realizou nessa sexta-feira, 21, a última reunião do ano de 2012. Na pauta assuntos relacionados ao Plano Diretor.
No balanço das atividades desenvolvidas, a opinião foi que o fórum completa três anos e quatro meses de atuação firme do debate do Plano Diretor de Aracaju, mas ainda não encerraram o trabalho a que se propuseram na participação da revisão do Plano Diretor de Aracaju e das cidades da região metropolitana.
Sobre a votação da revisão do Plano Diretor, os militantes avaliam que foi um processo traumático frente ao comportamento da maioria dos vereadores e que Aracaju corre sério risco de piorar nos próximos anos, caso a forma equivocada de votar as emendas continue na próxima legislatura.

Por outro lado o fórum avaliou como bastante positiva a decisão judicial que suspendeu a votação do Plano Diretor na Câmara e que tem muita esperança de que no mérito seja declarada a nulidade de toda a votação.  
Na oportunidade os integrantes do fórum elegeram Lizaldo Vieira como coordenador geral para o ano de 2013, em substituição a José Firmo.
Uma vasta programação para o início de 2013 foi realizada. No aspecto da mobilização e organização interna do fórum e no aspecto das propostas e das manifestações da revisão do Plano Diretor de Aracaju e das demais cidades, como da Barra dos Coqueiros, que deverá dar início ao processo de revisão ainda no primeiro semestre de 2013.
  

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Tribunal de Justiça mantém suspensão da votação do Plano Diretor de Aracaju.



Em decisão sobre recurso de Agravo de Instrumento interposto pelo presidente da Câmara Municipal de Aracaju, Emmanuel Nascimento (PT), o Desembargador Ricardo Múcio Santana de Abreu Lima indeferiu o pedido de efeito suspensivo mantendo, assim, a liminar concedida pelo juiz da 12ª. Vara Cível de Aracaju, Raphael Silva Reis.
No dia 5 de dezembro o vereador Bertulino Menezes (PSB) ajuizou ação com pedido de liminar visando a suspensão da tramitação do Projeto de Lei nº 06/2010, que cuida da revisão do Plano Diretor de Aracaju. O juiz da 12ª. Vara Cível da Comarca de Aracaju, Raphael Silva Reis, em 10 de dezembro, acatou ação ajuizada pelo vereador Bertulino contra atos do Presidente da Câmara Municipal de Aracaju, Vereador Emanuel Nascimento, concedendo liminar para a suspensão.
No mérito o vereador Bertulino pede ainda que seja declarada a nulidade de toda a votação do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Sustentável (PDDUS).  
Na ação o vereador Bertulino Menezes alegou que a tramitação do Plano Diretor se desenvolveu permeada de inúmeros vícios formais e materiais e que o projeto de lei não observou conteúdo mínimo previsto no Estatuto das Cidades e no Novo Código Florestal, ferindo ainda disposições da Lei Federal 6766/79, além de olvidar exigências técnicas contidas na NBR 12267 da ABNT.
Sociedade organizada comemora decisão.
O presidente da Câmara Municipal de Aracaju, vereador Emmanuel Nascimento, do PT, recorreu ao Tribunal de Justiça de Sergipe e na manhã desta quarta-feira, 19, o Desembargador Ricardo Múcio Santana de Abreu Lima, negou o pedido de suspensão da liminar, no processo nº. 2012226389.
Com a decisão a votação do Plano Diretor de Aracaju não poderá ser concluída nesta legislatura o que abre espaço para uma série de possibilidades, entre elas a de que a votação poderá ser recomeçada do zero, se no mérito o Poder Judiciário entender que deve ser anulado todo o processo de votação ou ainda retomar de onde parou, se a nulidade não for declarada pela justiça.
Ainda é possível que depois de aprovado pela Câmara Municipal, o Plano Diretor possa não ser sancionado pelo futuro prefeito, João Alves Filho (DEM), que já declarou por diversas vezes que este plano diretor não é o ideal para a capital sergipana.
Os vereadores Bertulino Menezes (PSB), Moritos Matos (PDT), Emerson Ferreira (PT) e Josenito Vitale (DEM), além de integrantes dos movimentos sociais comemoraram a decisão do Tribunal de Justiça, já que, na visão deles, até o final do ano, o Plano Diretor não será mais votado.
José Firmo, membro do Fórum em Defesa da Grande Aracaju, disse que a justiça só confirmou o que todo aracajuano esperava, pois a atual legislatura na Câmara Municipal não tem mais legitimidade para debater sobre Plano Diretor. “Por três vezes a justiça de Sergipe decidiu sobre o Plano Diretor, os movimentos sociais cobram, setores expressivos da imprensa cobram. Será que somente esses quinze vereadores e as construtoras estão certos?”, questiona.
As entidades esperam que na próxima legislatura os vereadores possam ouvir mais as demandas da população, votando um plano diretor melhor para todos.




sábado, 15 de dezembro de 2012

VÍDEO: Limite Aracaju/São Critovão (Fonte: www.atalaiaagora.com.br)

<object width="668" height="376"><param name="movie" value="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=15024&c=3"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=15024&c=3" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="668" height="376"></embed></object>

http://atalaiaagora.com.br/video.php?v=15024

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

VÍDEO: Derrubada de pontos comerciais em frente ao Detran. (Fonte: www.atalaiaagora.com.br)

object width="668" height="376"><param name="movie" value="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=15022&c=2"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=15022&c=2" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="668" height="376"></embed></object>

sábado, 8 de dezembro de 2012

Campo de futebol: um ano de espera no Robalo.



“Pior do que a negativa de um pleito nosso feito ao Poder Público é a expectativa criada por promessas que não são cumpridas”. Foi assim que desabafou José Firmo, presidente da Associação Desportiva, Cultural e Ambiental do Robalo (ADCAR) ao se referir ao Centro Esportivo da Zona de Expansão, prometido pelo Governo do Estado em 06/12/2011.
Reunião na Cehop: definições.

Em 2011 o Governo do Estado, através da CEHOP, deu um terreno onde ficava também a Arena Esportiva Jorgival Santos, como garantia em uma ação judicial trabalhista e o terreno juntamente com o campo foi leiloado. A arena foi totalmente demolida pela construtora que arrematou o imenso terreno do Governo de Sergipe.
Para corrigir o erro da CEHOP, o secretário de Esportes, Maurício Pimentel, se empenhou para atender pleito dos desportistas locais e, em reunião na CEHOP em 06/12/2011, definiu-se novo local e a concepção de um Centro Esportivo para a Zona de Expansão.
Representantes visitam o terreno.

A reunião na CEHOP, contou com a presença do presidente do órgão, Antonio Carlos Santos, do secretário do Esporte e do Lazer, Maurício Pimentel, de membros da direção da ADCAR e de representantes de times de futebol amador e decidiu-se que o Centro Esportivo teria 15.000m², com um campo de futebol oficial, um campo de futebol society, uma quadra de areia para a prática de voleibol, futevôlei e Bach Soccer e mais áreas para vestiários, estacionamento, acesso, etc.
Na reunião acertou-se ainda que antes da obra propriamente dita, o Governo de Sergipe providenciaria o nivelamento do local do campo oficial, colocaria as traves e colocaria um contêiner que se encontrava no município de Itabaiana para que os times não ficassem sem local para os jogos enquanto a obra não fosse concluída.
Manoel Paixão: "preto no branco".

Outra informação que deixou os desportistas animados foi a notícia que dava conta que o Governo iria imediatamente desmembrar os 15.000m² do restante do terreno para que não acontecesse problema semelhante ao campo anterior.
Ocorre que passado um ano inteiro, o Governo não fez nada do que prometera e os representantes de times ainda esperam pelo o que o Governo prometeu.
Manoel Paixão, dirigente do Vera Cruz lembra que chegou a perguntar na reunião se não seria necessário que se escrevesse o que ali foi tratado, mas a maioria preferiu acreditar na palavra do Governo.
José Firmo, presidente da ADCAR, informou o Secretário de Esportes, Mauricio Pimentel, começou a reunião, no dia 06/12/11, dizendo ao presidente da Cehop, Antonio Carlos Santos, que estava ali por determinação do Governador Marcelo Déda, que queria que dois assuntos fossem resolvidos ainda no final de 2011: a definição do terreno para o Centro Esportivo da Zona de Expansão e o placar do Batistão. “Como foi uma determinação do governador, vamos aguardar, vamos ter paciência, mas vamos cobrar”, diz Firmo.

Natal das crianças do Robalo.



Mantendo a tradição a direção da ADCAR está empenhada na organização do Natal das Crianças do Robalo. A distribuição acontecerá no dia 25/12/12, às 16h. Apenas o local está sendo definido.
Centenas de presentes em 2011.

Famílias com crianças em 2011. 

A ADCAR enviou ofícios a órgãos públicos e às empresas que costumam colaborar com o evento e nos próximos dias começará o recolhimento das doações.
Todo tipo de ajuda em matéria de brinquedos, doces, cestas básicas e lanches será bem-vinda.
Em 2011 quase trezentas crianças receberam brinquedos e mais de trinta cestas básicas foram sorteadas entre as mães. Vejam os links da festa de 2011: http://adcarrobalo.blogspot.com.br/2011/12/criancas-do-robalo-recebem-presentes-de.html



sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Café com os Vereadores (Fonte: www.atalaiaagora.com.br)

<object width="668" height="376"><param name="movie" value="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=14919&c=3"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.atalaiaagora.com.br/video_player2.swf?n=14919&c=3" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="668" height="376"></embed></object>

sábado, 10 de novembro de 2012

NUNCA É DEMAIS LEMBRAR: Ação Civil Pública por ato de improbidade atinge ex-secretário de saúde e mais quatro servidores - 26/12/2006



Em 2004 várias denúncias foram formalizadas no Ministério Público, por profissionais e usuários, relatando irregularidades na Secretaria Estadual de Saúde, notadamente no Hospital Governador João Alves Filho, no período de 2003/2004

O Ministério Público de Sergipe, através da Promotoria de Justiça dos Direitos à Educação e à Saúde, ajuizará ação civil pública por prática de ato de improbidade administrativa por prejuízo ao erário no valor de R$ 18,231 milhões e atentado aos princípios da administração pública contra o ex-secretário de estado da Saúde Eduardo Alves de Amorim, o diretor do Hospital Governador João Alves Filho, Fabian Vinícius Santana Ferreira, o diretor administrativo e financeiro da Secretaria da Saúde, Efraim Santana Leite, presidente da comissão de licitação da Secretaria Estadual da Saúde, Cristiano dos Santos Cruz e o chefe do setor de compras, Marco Antônio da Cunha.

Em 2004 várias denúncias foram formalizadas no Ministério Público, por profissionais e usuários, relatando irregularidades na Secretaria Estadual de Saúde, notadamente no Hospital Governador João Alves Filho, no período de 2003/2004. Os denunciantes relataram desperdício, uso indevido de materiais e medicamentos, aquisições sem qualquer controle, compras irregulares, desaparecimento de equipamentos e insumos, dentre outros. No mesmo período o Ministério Público tomou conhecimento de que a Polícia Federal de Alagoas estava realizando diligências no hospital João Alves Filho em razão da instauração de inquérito policial que visava apurar desvio de verbas públicas envolvendo a empresa Milena Santos de Andrade (a PF/AL comprovou que a empresa é fantasma) e Secretaria Estadual de Saúde.

A partir daí, foi instaurado procedimento preparatório de inquérito civil, em seguida, solicitada a intervenção do Departamento Nacional de Auditoria do SUS – DENASUS. Após algumas vistorias e investigações realizadas junto à Secretaria de Estado da Saúde e de suas unidades hospitalares, o DENASUS chegou às seguintes conclusões: dentro do campo da investigação realizada, concluiu-se que houve compras irregulares, montagens de processos licitatórios, desvios, além da falta de controle, de planejamento e gerenciamento dos medicamentos e material hospitalar, com conseqüente prejuízo ao erário e atentado aos princípios da administração pública.

Na ação civil pública, o Ministério Público requereu a suspensão dos direitos políticos dos acusados, pagamento de multa civil, proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais e creditícios; o ressarcimento integral dos danos causados pelos demandados ao erário, no valor de R$ 18,231 milhões, a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico, que a Receita Federal, no prazo de 10 dias, informe detalhadamente a situação econômica e financeira de cada, remetendo cópias das respectivas declarações de Imposto de Renda relativas ao exercício de 2001, 2002, 2003, 2004, 2005 e 2006. Os cartórios de registro de imóveis das Comarcas de Aracaju, Socorro e São Cristóvão irão informar sobre a existência de qualquer imóvel registrado em nome dos cinco acusados.

FONTE: Jornal Cinformonline - 22/12/2006. 

PASSARINHO: pássaro preto



O PÁSSARO PRETO ou graúna (derivado do tupi “guira-una” = ave preta) é uma ave passeriforme da família Icteridae. Conhecido também como chico-preto (Maranhão), arranca-milho, chopim, chupão (Mato Grosso), assum-preto, cupido e melro.
Dentre as várias inspirações ao cancioneiro popular, esta se destaca por sua letra e pujança na voz de Luiz Gonzaga:

Tudo em volta é só beleza
Sol de abril e a mata em flor
Mas assum preto, cego dos oio
Não vendo a luz, ai, canta de dor
Mas assum preto, cego dos oio
Não vendo a luz, ai, canta de dor
Essa música relata um ato cruel entre passarinheiros, principalmente do nordeste, que furavam (em algumas regiões ainda o fazem) os olhos do assum preto pensando que assim ele cantaria mais na gaiola. Esse procedimento bizarro também é feito com o sabiá.
Na literatura, José Alencar escreveu no romance Iracema:
Além, muito além daquela serra, que ainda azula no horizonte, nasceu Iracema.
Iracema, a virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna, e mais longos que seu talhe de palmeira.
O favo da Jati não era doce como seu sorriso (…)
Além da subespécie Gnorimopsar chopi chopi existe uma subespécie chamada Gnorimopsar chopi sulcirostris. Ambas são iguais, porém a sulcirostris é maior e existe no norte/nordeste, enquanto que a chopi é menor e existe na região sul/sudeste do Brasil.
Mede 21,5 a 25,5 centímetros de comprimento. É inteiro negro incluindo pernas, bico, olhos e penas daí um de seus nomes populares pássaro preto, filhotes e jovens não possuem penas ao redor dos olhos. Trata-se de um dos pássaros de voz mais melodiosa deste país. A fêmea também canta.
ESPÉCIE SEM DIMORFISMO SEXUAL


Onívoro. Come frutos, sementes, insetos, aranhas e outros invertebrados. Aprecia o coco maduro da palmeira buriti. Apanha insetos atropelados nas estradas e aproveita restos de milho junto às habitações humanas ou desenterra sementes recém-plantadas.


Atinge a maturidade sexual aos 18 meses. Faz ninho em árvores ocas, troncos de palmeiras, ninhos de pica-pau, em mourões, dentro do penacho de coqueiros e nas densas copas dos pinheiros, utilizando também ninhos abandonados de João-de-barro. Ocupa buracos também em barrancos e cupinzeiros terrestres. Às vezes faz um ninho aberto, situado em uma forquilha de um galho distante do tronco, em uma árvore densa e alta. Cada ninhada geralmente tem entre 3 e 4 ovos, tendo de 2 a 3 ninhadas por temporada. Os filhotes nascem após 14 dias e ficam no ninho 18 dias. O macho ajuda a criar a prole.


É comum em áreas agrícolas, buritizais, pinheirais, pastagens e áreas pantanosas, plantações com árvores isoladas, mortas, remanescentes da mata. Sua presença está associada a palmeiras. Vive normalmente em pequenos grupos que fazem bastante barulho. Pousa no chão ou em árvores sombreadas. Há quem confunda o graúna com o atrevido vira-bosta (Molothrus bonariensis), famoso por parasitar o ninho de várias espécies (ex.: tico-tico). Enquanto o vira-bosta é elegantíssimo, esguio e traja cintilantes vestes de tom violáceo, o graúna é negro e de porte mais avantajado, além de saber nidificar, não se descuidando da criação da ruidosa prole. No nordeste ocorre a subespécie (Gnorimopsar chopi sulcirostris), que é maior, medindo 25,5 centímetros de comprimento. Quando canta arrepia as penas da cabeça e pescoço.


Excluindo-se a Amazônia, onde está presente apenas no leste do Pará e Maranhão, é encontrado em todo o restante do País. Encontrado também no Peru, Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai.


§  Federação Ornitológica de Minas Gerais, Pássaro preto - Disponível em http://www.feomg.com.br/pass_pret.htm Acesso em 3 mai. 2009
§  Portal Brasil 500 Pássaros, Melro - Disponível em http://webserver.eln.gov.br/Pass500/BIRDS/1birds/p498.htm Acesso em 3 mai. 2009
§  IBAMA. IN01-03. 24 jan. 2003. p. 7.
§  Marigo, Luiz Claudio. Sertões. n. 24.
§  CEO - disponível em http://www.ceo.org.br/musica/assum%20preto.htm Acesso em 28 jun. 2009.


PÁSSAROS: Jacu




O jacu-de-barriga-castanha é uma ave galliforme da família Cracidae. Também conhecido como jacu e jacu-goela.
Além do Pantanal, ocorre em uma área no vale do rio Araguaia e outra no vale do rio São Francisco. Está praticamente extinto, fora da planície pantaneira, devido à caça e alteração do ambiente florestal onde vive. Consta da Lista de Aves Ameaçadas do Brasil.
Como os outros jacus, parece uma grande galinha de rabo e asas compridas. Cabeça pequena e pescoço longo. A cor das costas e cauda é cinza escuro, quase negro, manchado de pequenos riscos claros, chegando a serem brancos nas costas. Na cabeça, pescoço e barriga, a cor de fundo é marrom avermelhada escura, com riscas brancas ou claras. A cabeça é um pouco mais avermelhada, com uma risca cinza claro acima dos olhos. A pele nua ao redor os olhos é escura, fazendo forte contraste com a barbela de pele vermelho escuro, pendendo abaixo. Essa barbela é mais ou menos visível, conforme a ave está assustada ou não. Sob perigo, contrai a musculatura e diminui a visualização desse sinal. O bico é escuro e os pés claros.


Alimenta-se de flores de ipês (ou piúvas, nome pantaneiro), de tarumãs e cipós nas árvores durante a florada. Os outros jacus alimentam-se de material vegetal, frutos, sementes e invertebrados no solo. Como anda muito no chão, pode ser que também tenha os mesmos hábitos alimentares.




É uma espécie pouco conhecida na natureza. Tem um comportamento arredio, afastando-se ao menor sinal de perturbação. Apesar do seu tamanho e vôo pesado, rapidamente movimenta-se do chão ou partes baixas da mata para a copa e desaparece entre as folhas. Ao contrário dos outros jacus, não costuma ficar dando seguidos gritos de alarme. Geralmente, é vista como uma silhueta de passagem, assustada.


Além do Pantanal, ocorre em uma área no vale do rio Araguaia e outra no vale do rio São Francisco.


§  SESC - Guia das Aves do Pantanal - disponível em http://www.avespantanal.com.br/paginas/58.htm Acesso em 23 Ago. 2009.



Firmo participa de programa nas Rádios Aperipê.



Na manhã do último sábado, 10, José Firmo, membro do Fórum em Defesa da Grande Aracaju foi o entrevistado da semana do programa Fala pra Mim, apresentado pelo Vereador Dr. Emerson, nas Rádios Aperipê AM e FM, das 7h às 9h.
O quadro “entrevistado da semana” é apresentado na última hora do programa.
A entrevista se desenvolveu em torno da revisão do Plano Diretor de Aracaju e José Firmo respondeu perguntas dos ouvintes que participaram do programa pelo telefone, além da perguntas do apresentador, Vereador Dr. Emerson.
Firmo foi entrevista por Dr. Emerson.
“O grupo de 14 vereadores estão votando a revisão do Plano Diretor de forma, eu diria, irresponsável e querem atribuir aos vereadores Emerson, Matos, Bertulino e Nitinho a culpa pela forma como eles, os 14, estão entregando a cidade às construtoras.”, disse Firmo sobre como ele está vendo o processo atualmente.
Firmo disse ainda que os integrantes do Fórum vão se reunir na noite da próxima segunda-feira para analisar a possibilidade de representar a Câmara junto ao Ministério Público Estadual ou até mesmo ajuizar ação com o objetivo de anular novamente toda a votação do Plano Diretor.  

ADCAR tem reconhecimento de utilidade pública estadual.



A Associação Desportiva Cultural e Ambiental do Robalo, que já possuía reconhecimento de utilidade pública municipal através de lei aprovada pela Câmara Municipal de Aracaju, por iniciativa do vereador Emerson Ferreira, agora é reconhecida também de utilidade pública estadual.
A Lei 7.452/2012 foi sancionada em 06 de julho de 2012 pelo Governador em Exercício, Jackson Barreto de Lima e publicada no Diário Oficial do Estado de Sergipe em 12/07/2012.
A iniciativa do projeto de lei 99/2012 foi da Deputada Estadual Ana Lúcia, que mantém o mandato sempre voltado para as questões ligadas aos movimentos sociais.
José Firmo enaltece papel da ADCAR.

A Direção Executiva da ADCAR está muito agradecida pelo gesto da deputada e considera que os reconhecimentos de utilidade pública reforçam o papel da ADCAR no cenário do movimento comunitário e ambiental em Sergipe.
Para José Firmo, vice-presidente da ADCAR, os reconhecimentos são reflexos da luta empreendida pela entidade tanto internamente ao Robalo, quanto em Aracaju e no estado.

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

VÍDEO: forró de sergipana.

Netinha do Forró, herdeira de Clemilda, sergipana original e autêntica:
<iframe width="560" height="315" src="http://www.youtube.com/embed/9UOvu_2GNS0" frameborder="0" allowfullscreen></iframe> 

http://youtu.be/9UOvu_2GNS0

NOTA: CASO NÃO ACESSE AO VÍDEO AQUI, VÁ AO www.youtube.com  E PROCURE "VELHA DO PINICO 2012".